Conto de Natal…

Estive em pé, a espreitar pela janela da sala durante bastante tempo. Atrás de mim, a lareira apagada, um dos luxos de que tínhamos abdicado há muito tempo era o aquecimento.
Sentia-me confusa, amedrontada, envergonhada, revoltada… tinha fracassado… era isso que sentia. Tinha chegado aos 35 anos como uma falhada. O meu mundo ruiu e eu fiquei a vê-lo ceder, subterrando tudo, apavorada demais para sequer gritar por socorro. Entrava num outro que sempre tinha ignorado, feito de dias sem sol, a preto e branco. Um mundo que noutros anos eu me convenci de ajudar, ignorando o que sentiam os que recebiam as minhas esmolas, ignorando o quanto é humilhante depender da generosidade alheia, para sobreviver…
Para lá dos vidros duplos a geada cobria de branco a relva do pequeno jardim, onde as minhas filhas deixariam de brincar… era ainda muito cedo, mas a insónia contínua das últimas semanas atirava-me para fora da cama à primeira claridade da manhã.
Percorri a sala com os olhos, nublados, era inevitável, teríamos que sair. Os livros, os filmes, os discos… tinha tanto, e de nada me serviria. Que lhes faria? Onde encontraria espaço em mim, para empacotar e guardar o que havia sido. Onde encontraria forças, para explicar às minhas filhas que primeiro tinham perdido o pai, que perderiam também a casa, o quarto, os amigos, o colégio.
Tínhamos que começar de novo, mas não íamos construir… íamos embalar, empilhar e sobreviver. Aguentei o que me foi possível, mas a despensa vazia, os cartões de crédito a zero e os 3 meses de empréstimo por pagar não me deixavam grandes opções. Tínhamos que sair… esperava que acordassem, e que na sua generosidade me pudessem perdoar…

“Alegra-te, é Natal!” – ouvia por vezes… era Natal… eu queria lá saber!

(continua)

125 thoughts on “Conto de Natal…

  1. Ola primota,

    Vejo que vem aí mais um optimo conto, mas este infelizmente bem mais triste. Agora assiste-se a uma nova pobreza, uma pobreza envergonhada (frustrada certamente), de pessoas que tiveram / têm tudo mas que perderam o controlo… Agora o sobre endividamento é maior que o rendimento, os atrasos sucedem-se…até que um dia tem-se um desfecho triste….

    O banco alimentar aumentou em muito os pedidos de ajuda, à custa desta nova pobreza…

    Pensemos nisso… Fico ansiosa a espera da continuação.
    Beijinho grande

  2. Estive a ler este “Conto de natal” (1ª parte) e é um texto que leio com alguma confusão, talvez por (também eu) estar a embalar as minhas coisas, por estar a chegar aos 35… (yep não temos filhos)… dass, o “pai” desapareceu😛

    Queria por um comentário aqui, mas não está a ser fácil…

    Assim, vou falar de outra coisa😉

    Apetecia-me agarrar em ti e quando te larga-se a mão, estaríamos os dois, numa ilha tropical, vestidos apenas com saiinhas de palhinha…😀 tu podias ter um sutiã de cocos.
    Durante três dias. Não nos importaríamos com nada… recuperaríamos a média, em lagos banhados por cachoeiras, pequenas grutas com uma luz vermelha intensa do sol que se agarrava no horizonte, não querendo abandonar a nossa festa, incentivando-nos a continuar…
    Estaria quente, pelo sol, por ti, por nós… Lembrariamo-nos de croquetes que não comeríamos, apenas por olhar os nossos corpos cobertos de uma areia fina, que logo de seguida arrancaríamos nas águas cristalinas do mar como os olhos dos enamorados.
    E depois, quando amanhecesse… ainda teriamos mais dois dias😉

    Beijo

  3. Cátia,

    Eu sei, foi por saber isso que escrevi o texto. Os contos de natal estão a mudar, quer os contemos ou não!
    Acho que muita gente vive acima do que pode, por mania de grandeza, para resolver um problema de auto estima, sei lá, pode até ser apenas por estupidez, desses, lamento, mas não tenho muita pena. Mas há outros, como o caso que imaginei, de gente que foi atraiçoada pela vida. De pessoas e vidas comuns, que desmoronaram de um momento para o outro… de quem fica perdido…

    Ainda não sei como irei continuar…

    Beijocas!

  4. Cdesag,

    desta vez e pela primeira vez, acho que vou censurar!😀

    (vou reler)

    afinal deixo ficar, assim ficas em divida para comigo!😛

    Beijo.
    (ouve lá, “não temos filhos” – que raio de informação infeliz foi essa?)

    Cátia,

    Enregelou-se-lhe o cérebro… só pode ser!😀

  5. afinal n sou o unico com delirios!😀
    e logo de manha eheh
    o q vale é q sao delírios bonitos, de amor…por isso aceita-se!
    abraço migaço e bjs pra 2 mosqt😉

  6. um comentario acerca do texto:
    simples.
    é um conto bem real, bem não é bem conto, mas sim história, bem não bem historia, mas realidade…crua! penumbra na vida…sofrimento!
    dêmos cor à realidade, optimismo…;)
    Entretanto sei bem que vais dar optimismo na continuação…(certo?)
    (a vida é mar de rosas? não! mas tb n é mar de cravos!!)

    a tristeza pautada no fim é exasperante:
    “Alegra-te, é Natal!” – ouvia por vezes… era Natal… eu queria lá saber!

    bjsss manita e bom começo de semana.
    vais ter ponte? que fixe…!
    a ligar de onde a onde? mas isso de pontes n custa bué?🙂

  7. Vou ficar a aguardar a continuação.

    Para já, pelo que li, este conto assemelha-se á vida de muitas pessoas que, pelos mais variados motivos, vêm a sua vida a desmoronar-se. Sim, porque atendendo á falta de emprego, ao endividamento excessivo e outros factores, por vezes são necessárias grandes mudanças de vida. Mudanças que não são para melhor. É o que se chama: mudar de cavalo para burro. Por vezes tem mesmo que ser. Mas pode ser que esse sacríficio traga mais tarde os seus próprios benefícios.

    Vamos então ver como continua este conto…

    Beijinhos

  8. Fontez,

    Delírios bonitos? Onde?😛
    Infelizmente é a história de muitos, e esta até está suave, muitas são piores.
    Não sei o rumo que irá tomar, não sei se lhe darei contornos mais alegres, não sei se ficará ainda mais triste… não sei!
    Quanto às pontes, elas não me assustam…😉

    Boa semana!

    Beijinhos.

    Carracinha Linda,

    Sim, é bastante semelhante à vida… e mudar de cavalo para burro como dizes, nunca foi fácil! Eu quero acreditar que os nossos sacrifícios serão recompensados, quero mesmo, mas nem sempre é fácil…

    Veremos…

    Beijinhos.

  9. delirios bonitos, n vês?
    Vejamos:
    1-“Estaria quente, pelo sol, por ti, por nós…”
    2-“não temos filhos”, logo desejo implícito…:)
    3-“Apetecia-me agarrar em ti”
    4-“saiinhas de palhinha…😀 tu podias ter um sutiã de cocos.”
    5-“Não nos importaríamos com nada… recuperaríamos a média, em lagos banhados por cachoeiras”

    E com um fim soberbo dear manita:…(admito amigaço, tas bem romantico lol)
    “…que logo de seguida arrancaríamos nas águas cristalinas do mar como os olhos dos enamorados.”

    Precisas de mais exemplos da “beleza”??🙂
    Deixa-te de coisas…e …filhinhos, tropical, cabana…;) eheheh
    Isto sim é um “O”!!!!!!!!!!😀
    E quem me dera…quem me dera…:|

    P.S. bora bora…(eu fico a ver o amor florescer, tirando o ambiente do interior da cabana, obvio)

  10. acerca do conto em sim…
    espero q aquando a continuação em causa, estejas com um estado de espirito feliz…pra q vejamos optimismo e alegria…no ser humano que sofre…
    espero q sim…! (depende de ti pois)

    bjss e até.

  11. Fontez,

    Não comento e daqui a bocado vou ser obrigada a mostrar que nesta democracia a ditadora sou eu!😛
    Quanto ao conto, se queres um fim feliz, não me deixes de mau humor!😛

    Beijos.

  12. (Lá está ele com o optimismo e a alegria…puff. Pois eu´quero uma coisa bem triste… fofinha, mas triste, bem ao estilo Happy Tree Friends😛. To a brincar!! :D)

    Bom dia!!

    Pois eu imaginei um homem, que se suicidou por endividamento, deixando um fardo enorme nos ombros da mulher. Esta, até agora doméstica, sem um trabalho de onde tirar dinheiro, deixou as contas acomularem.se. Preferio não partilhar o que estava a acontecer com as filhas… são novinhas demais para perceberem. São novinhas demais para sofrerem.
    A “obrigação” delas é brincarem, seja naquela casa ou noutra, ou em nenhuma. Para o sitio que vão haverá sempre algo para lhes servir de brinquedo…

    beijinhos (espero a continuação…)

  13. ditadora? claro q sim…tens uma “trela”…lol? eheheh
    ora ora, ja és do inicio, q novidade tas a dar heim? lolol
    ditadora essa ta boa…

    os finais felizes sao melhores que o tristes, para qualquer humano, creio!😉

    P.S. se forem gemeos, e rapazes, deêm os nomes tico e teco lololol..ou entao Muycha e Echa…:D

  14. Portugal ainda é o país do “parecer”, das aparencias… No entanto há mta gente que é atraiçoada pela vida, quando fizeram escolhas nao contavam com este cenário… Agora já há pouco a fazer… chega-se a um ponto que “quase” nao se tem solução… Muito muito complicado…

    O que deu ao fontez? os delirios vieram mais cedo, deve ter sido influenciado por outro colega destas andanças… isto está bonito, está…

    Beijos

  15. Ana,
    🙂 eu sei que no fundo tu tb gostas de finais felizes, ainda que não gostes de admitir!😛 Mas não decidi se este será ou não feliz, até pq isso do ser feliz depende de cada um, de como quisermos entender a história e de onde eu para de a contar.😉

    Quanto ao que imaginaste, gostei, eu pensei algo identico, mas ela trabalhava, até ficar desempregada e não iria abdicar das filhas…

    Bom dia par ti!

    Beijos.

    Fontez… vai tomar o xanax!

  16. Eu admito que gosto de finais felizes (nunca o neguei)…. o que quero comentar é a “mania” do Fontez impor isso quase como “regra” para um texto mais triste.
    😉

  17. Cátia,

    Não é só em Portugal que se tem que “parecer”… é um mal muito geral. E sim, acho que ninguém contava com este cenário… acho que temos sempre esperança num futuro melhor. Mas nem sempre ele chega na altura que o desejamos…

    Quanto aos 2 loucos que cá apareceram hoje… enfim… não nos bastava cá um… :S😛

    Beijosss.

  18. mania?
    sim…sou um gotico famoso e admito…e confesso…bem, um gotico brasileiro…nah…um gotico de samba…eheh!!
    dois loucos? aonde?…
    só vejo um…o pai dos gemeos…! lolol

    bjss pra 3 e abraço pra o tal “pai”😀

  19. Eu até fico com vontade de perguntar o que o cú tem que ver com as calças!
    Eu tb gosto muito de musica brasileira, isso faz de mim gótica? Aiiii

  20. Pelos visto deve fazer…
    Falava.se em finais menos felizes, mas parece que o Fontez gosta sempre de me provocar com esse assunto do estilo gótico…
    enfim…

  21. pois Amy, pois…!😀 reinar (e n provocar) é gosto…:) lol
    existem finais infelizes que viemos a ver(mais tarde)q sao “felizes” imcubidos de uma missao especial…! existem tristezas necessárias…!
    a rosa é bela…linda…com um cheiro fantastico…mas tem cravos q dão infelicidade da dor…! MAS sem cravos não há rosa…!:) A lei da natureza e vida está taõ bem feita…! (aleatoriedade só na matematica…)😉
    Manita, o q é q o cu tem a ver com as calças?
    nao sei, pergunta às calças se nao houvesse o cu, o q seria dela?😀
    bjss

  22. “Por favorrrr… Vá láaaaaa… eu sou bonzinho…” se isto acabar…
    (esta é 1ilusão clara a 1 publicidade, mas acho que se adequa bem aqui… )

  23. q novidade q tas a dar Amy…sou chatissimo do caraças…mas só a ti…:D
    Catia, adequa-se bem aqui? a quem?🙂 a mim nao pois ou mauzinho…:D

    sim manita, o som é sempre o mesmo…mas é de reinar…e cool!!🙂
    mas eu ja mudo o disco e meto um Caetano …;)

    bjss for 3 belas mosqt…

  24. mas voz e romantismo tlv gostasse de ter…apesar de nao gostar mt de um tema delicado…
    (sou frio, prefiro o gelo ao calor de iminente frio, entendeste sim manita)😉

  25. eu sei q n é só romance…
    mas ele é perito em romantismo, quer de melodia quer de letra…;)
    sou tolo, louco, delirado, “mr. q mete sempre o mesmo disco”, mas conheço musica…:)😉
    bjs

  26. Ana,

    Eu tb acho, mto boa mesmo!😀

    Beijos.

    Fontez,

    Não duvido que conheças, e acredito que conheças a que te indico, se não conheceres… fica a sugestão.

    Beijo.

  27. Já ouviste o novo album de Caetano?

    É cheio de musicas provocadoras. Só mesmo o Caetano para cantar repetidamente o refrão de uma das musicas do novo cd “Estou.me a vir!”
    hehehe

    Cada vez melhor!!

  28. Não estou a “reinar” Fontez… se fores pesquisar, vês que existe mesmo uma musica de Caetano com este refrão. A musica chama.se “Porquê”.
    Esqueçam tudo o que ouviram até agora de Caetano… este cd é o panico!😀

  29. Um conto algo triste de uma tristeza tremendamente real…
    Creio que este conto reflecte bem a realidade de muitas familias cujo Natal terá um sabor bem diferente do habitual…
    Mais uma vez sabiamente nos pões a pensar…

    Beijinhos.

  30. Bom dia primota,

    3ª feira…😀 hoje vou almoçar para as tuas bandas e da plim, mas parece que está la um frio que nao se aguenta… ai…

    Beijinho e vê se poes ordem na casa..

  31. Ana,

    lol
    Ainda não ouvi!
    Mas fiquei curiosa. E acredito nisso do cada vez melhor!🙂

    Beijoca.

    Fontez,

    Menos!

    Beijo.

    Viriato,

    Creio que é infelizmente a realidade de muitos. Acho que o Natal está completamente deturpado. Existem pessoas a fazer empréstimos para comprar prendas… existem outros, que não têm que comer. Existem uns que nunca ouviram “não”, existem outros que precisam desesperadamente de um “sim”.
    Enfim, mas isto já nem sequer têm que ver com o post, apeteceu-me dizer.

    Beijinhos.

    Cátia,

    Hoje está menos frio, mas ao que parece vem o vento e a chuva. Faz boa viagem, o Alentejo, seja com um frio de cortar ou um calor abrasador é sempre bom!😉
    Boa 3ªf!

    Beijosss!

  32. Bom Dia!!

    Cátia, traz o aquecedor atrás, mulher!!
    Tá a chover e muito frioooooo…. até ainda à pouco parecia que estava de noite…
    E logo hoje que tive de acordar cedo…😦

    beijinhos!!

  33. ja viste Amy, somos os dois unicos q caímos da cama…lol
    a manita nunca caí…pudera cair da cama aleija…:D esperta a malandrinha…
    ta um frio interessante, tens estado sim…é a estacao de ano…!
    bom dia pra 3!
    e em vez de bjss um abraço apertado às 3! (ta frio certo? logo um gesto saliente…)🙂

  34. pois e os outros caem da cama…:D
    eheh
    bom dia linda e olha…ja ta feita a tua prenda…
    (ja sabes pois qual é…a surpresa esvaziou-se…)🙂

    bem vou agora pra uma reuniao! a ver se corre bem.
    abraço apertado. não é q esteja mt frio…mas abraços é mais sentimental q bj!! (ou n?)🙂

  35. Sempre cheio de piada. (or not)

    Hoje levantei.me cedo, porque era suposto levar o Bali à consulta, mas parece que é só mais logo… só a mim!

    E agora despertei e mesmo que quisesse voltar a dormir, não consigo.

    beijinhos.

  36. Fontez,

    Sim, os abraços são mais intimos, quando dados com vontade!🙂
    Boa sorte para a reunião.

    Beijo.

    Ana,

    Consulta de rotina né?
    Podias voltar a mostrá-lo!😀
    Mesmo que não voltes a adormecer, pelo menos não precisas sair já de casa… acredita isso é bom!

    beijinhos.

  37. Ah sim, sempre posso ficar no quentinho a papar os programas da manhã lol

    “Consulta de rotina né?”
    Tomara que fosse. O Bali esta infestado de lombrigas. A sorte dele, mesmo assim, é que foi desparasitado logo que veio cá para casa, caso contrário as lombrigas existentes na altura teriam crescido e o caso teria consequencias mais graves. Agora anda a fazer medicação e volta hoje à clinica para a doutora o ver.
    O meu medo é ele ainda ser muito pequenino e não ter muitas defesas, mas segundo a veterinária, ele está a reagir bem à medicação…

    Tadinho do meu bebé…
    Quando voltar a tirar fotos, publico😉

  38. ohhhh😦

    Lamento. Ele é tão pequenino ainda.
    Mas fica calma, que o teu bébé é forte e ele vai recuperar bem.
    Fico à espera de o ver outra vez, já “mais maior”!😛

    Beijoca e as melhoras do Bali!

  39. Beijinho ao Baliiiiiiii ………. vai correr tudo bem…
    Aquecedor? Pois se calhar tenho… isto de Ser “cao”sultora nao dá para muito jeito para vestir mta roupa…😦

    Mas acho que já nao vou almoçar aí, mas so trab.. sniff sniff..

    Bom diaaaaaaaaaa

  40. cortar o cabelo? cool…!
    piada?
    onde está ela?…
    sem piada existe vida Amy?🙂
    opss, esqueci-me, eu n tenho piada…sou o tal louco e chatérrimo…pois! lol
    sim mas abraços de amigos nao sao frios, opsss, esqueci-me, sou o tal louco, logo meus abraços são friorentos! lolol

    uma “cauda balançando pra os lados” ao teu mano!😉
    bjss pra 3!

  41. fabuloso trocadilho q deste Cátia…
    “cao”sultora!🙂
    (eii, nao tou a gozar, apenas um trocadilho bem feito…q é um trocadilho, pois, negativo)
    bjss Aitac!😉

    e “au au” para a Amy, opss, para o mano (sim esta foi do proposito) lolol
    abraço quente (or not! bem tu deve saber ou imaginar…) dear Amy!!
    e “au au” para manita…Caramba ta mt repetitivo…tou a ficar senil pois lol…XANAX anda daí…! lol algum tem um frasco inteiro? devoro-o já!!! lolol

    bom almoço

  42. Cátia,
    🙂 Mas dentro dos gabinetes dos “cao”sultores tá frio?😛
    Bom trabalho, com ou sem viagem e com ou sem aquecedor.

    Beijoca.

    Ana,

    Mas vais cortar pouco…😦 ouvi dizer lá por outras bandas…
    Devias fazer um corte radical, eu sou fã de cortes radicais!🙂 Com a vantagem de não ficarem estragados com a chuva.
    Mas pronto, faz lá só a franja… apara às pontas, estica😦 como queiras! Mas com conhecimento de que é muito contra a minha vontade! (Isto do contra a vontade era o que o meu pai me dizia qd achava que eu me andava a esticar nas saídas😀 resultou que se farta😀 )

    Boa tarde de tesoura e boa sorte para o Bali!

    Rauff rauff para ti tb!

    Fontez,

    Eu concordo que temos que dizer umas piadas, temos que nos divertir, mas como já te disse, acho que temos que o fazer qd todos se divertem. Qd percebemos que as piadas já são só nossas, temos que acalmar.
    Nem sempre todos temos vontade de brincar ou nos divertimos com as mesmas coisas. Sei que entendes.

    Bom almoço tb para ti!

    Beijocas! (e um abraço😉 )

  43. “… Mas com conhecimento de que é muito contra a minha vontade! (Isto do contra a vontade era o que o meu pai me dizia qd achava que eu me andava a esticar nas saídas resultou que se farta )”

    hehehe, o meu era mais “ah, vais sair? pergunta à tua mãe se podes….” “Ai ela deixa? mas olha que é contra a minha vontade, mas vá.. toma lá 500$ e diverte.te!”😀

    Vou agora atravessar este frio medonho para por fim às pontas espigadas…. até logo minha gente! Fé em deus e na tesoura!

    beijinhos

  44. manita, n levas a serio…o q é simples e a brincar…;)
    melhor ainda, nada de serio foi levado a brincar…;) e nada a brincar foi levado a sério (ou foi?)…
    claro, existem piadas secas…frias…goticas…ha de tudo pra todos os gostos…lol
    ai ai…
    eheh

    bjss

    Amy, qd cortares dps mostra o new look tá?😉
    tb fico a torcer pelo bom corte!🙂

  45. Manito,

    Exacto, há as chamadas piadas secas, que metem pouca graça e há tb as que são repetidas vezes sem conta, e que ainda que tivessem alguma graça, a perderam entretanto… temos que ter em atenção todas, e todos os gostos, não só o nosso. Chama-se respeito.
    Já falamos inúmeras vezes sobre este assunto, sabes o que penso. Adoro brincar, mas… tento sempre ter presente que a minha liberdade termina onde começa a do outro.
    Não me interpretes mal, eu tb não o fiz contigo, apenas te alerto, para que ninguém chegue a levar a sério o que é a brincar.

    beijos.

  46. iiiiihhh lá…!
    isso ta feio…🙂
    ok entendi a questao! (mas alto, n faltei ao respeito a ninguem…ainda pra mais qd estamos entre amigos…isso nunca…!!)
    apreendido e aprendido.
    nao interpretei mal, assunto resolvido.
    inte

  47. Fontez,

    Feio? Pois tá… cinzento e chuvoso!🙂
    Eu não disse que faltaste ao respeito, se achasse que o tinhas feito, eras tu que estavas feito comigo!😛 Nada disso. Estamos apenas a conversar, e como estamos entre amigos, podemos falar abertamente, dizer o que achamos, tal como tu o podes e fazes comigo.
    E escusas de amuar, que eu não te puxei as orelhas.😉😀

    Beijocas.

  48. exagero? claro…o delirio n perdooa!😉
    sabem o q adorava?
    um jantar de natal com as mosqt, migaço e afins…
    pena ser impossivel…! snif…
    quem sabe daqui ha 5 anos seja possivel🙂
    bjss manita.

  49. “ta previsto”=”vai haver”? nao! portanto sê certeira!😉
    lol
    “certeira” ideal seria: “claro q terá continuacao, n sei qd…tlv hj (ainda mais ideal lol), ou amanha…!”🙂

  50. 🙂
    Hoje não tem com certeza.
    Só devo voltar à net amanhã!

    Mas amanhã tlv tenha, ou tlv não!😛

    beijoca.

    BOM RESTO DE DIA A TODOS! BEIJOS!

  51. Eu ia jurar que já tinha comentado este post…
    mas agora já nem sei bem…

    De qualquer modo, digo que situações como a do teu conto é o que se vê mais por aí hoje.
    Tantos jovens e menos jovens em situações desesperadas que não terão um Natal com um minimo de dignidade, porque se vêem reduzidos a uma miséria forçada, fruto de endividamentos, tantas vezes causados por aliciamentos de publicidades enganosas e sucessivas politicas erradas dos (des)governos deste país… entre outros casos.

    Desejo-te um santo e feliz Natal cheio de paz, amor e alegria. Que o menino Jesus nasça no teu coração!

    Beijinho grande

    Fa-

  52. sou o número 85 e ainda venho a tempo de pendurar a meia no sítio dela. Onde meteste tu a lareira mulher? Acorda, estás a sonhar imenso ultimamente e este sonho vai servir te de lição. Abusaste tanto da cerveja e do camarão que sugaste o cartão até ao tutano e agora vai fazer-se luz. Quando acordares, toing! estás num casarão enorme de 14 assoalhadas, os teus filhos estão a jogar felizes no pc, o teu marido meteu-se nao sei com quem mas não faz mal porque também não prestava para grande coisa e ficas melhor sem ele e tu vais fazer um banquete com um perú do tamanho de um campo de futebol e vai estar aí muita gente a saciar-se.Por cada pessoa que deixares com os olhos a brilhar ganhas uma eternidade de dias felizes.´

    Não te esqueças da minha meia…

    Beijinhos

  53. Fa,

    Acho que foi a primeira vez que o comentaste. E tal como dizes, isto surge do (des)governo (gostei imenso da expressão), seja o (des)governo do país, seja “o nosso”!

    Obrigada, e votos de feliz Natal também para ti!

    Beijo!

    M.,

    lol
    Tu és demais!
    A lareira está na sala. Está apagada, mas vou lá pendurar a tua meia, se arranjar lenha, eu acendo-a.🙂
    Espero fazer alguns olhos brilharem, seja ou não com este conto.

    Não me esquecerei da tua meia!

    Beijos.

  54. Cátia,
    😉 Obrigada!

    Bom dia para ti!

    Beijocas.

    Fontez,

    A M., tem razão, és um inbejouso.😛
    Bom dia tb para ti.

    Beijo.

    M.,

    É não é?😀

    Beijo.

  55. sou “inbejouso”? uffaaa, tava a ver q era “invejoso”!😀
    na realidade eu nao deixo nada…o calor da lareira e companhia chega…!
    em vez de “…” ficaria “os meninos à volta da lareira…” 🙂
    good day e bjss

  56. Cátia,

    Hummmm… quero o bolo, mas com café pode ser?😀 😉
    E para aquecermos mesmo bem, a pedido de várias familias eu vou por a lareira a arder! Senta aí!

    M.,

    A meia tá molhada? Ah, já podias ter dito, trato já do lumezinho!🙂

  57. 😀 provavelmente estava quase no mesmo local em que estou agora, mas a secretária estava noutra posição. Mas o serão… hummm… o serão foi no ovo, mas foi uma aventura, ou melhor, o inicio de uma aventura! E ainda bem!😉

  58. Vim deixar um beijinho às meninas.
    Ai, ai… ontem por esta hora já eu estava a ver as “pontas” de 10cm a cairem.me no colo😦

    *sniff sniff*

  59. Vê a minha foto do msn.

    Sim, o Bali está melhor… a reagir muito bem à medicação. Esta noite se dormi 3 horas foi muito… ele só queria brincadeira😛

  60. A Euribor é fodida, não é lixada, é mesmo FUDIDA….
    Infelizmente o Natal de muitos Portugueses, o Natal e o resto do ano também.
    De quem é a culpa??? 60% das pessoas, 40% do governo, 20% do petróleo, 15 da euribor, 10% do banco 5% do vizinho do lado.
    As contas dão mais de 100% eu sei, mas faz-se um crédito para abater ao que está a mais…
    Por isso que eu prefiro não ter casa (para já) a “comer salsichas”.
    Os grandes objectivos de um Português é ter casa e carro. Eu nem uma coisa nem outra embora use ambas.
    Nos tempos em que estamos não conseguimos viver, mas sim sobreviver
    Qualidade de Vida, procurar a qualidade de vida, seja em Lisboa, Porto, Braga ou até mesmo Serraquinhos de Baixo.
    beijos e abraços

  61. Pedro,
    🙂
    “mas faz-se um crédito para abater ao que está a mais…” – muitas vezes é aqui que reside o maior problema. Quando começa a ser difícil pagar as contas, faz-se um crédito, e fica-se com mais uma divida e mais uma conta!
    Eu tenho casa e tenho carro, se é que eu posso chamar de casa ao apertamento, e carro ao meu lindo chasso velho. São opções que fazemos, quando decidi viver sozinha e custear isso, não passei a comer só “salsichas”, abdiquei de outras coisas. Não faço as viagens que quero fazer um dia, e os copos e as noitadas, estão reduzidas, tanto, que quase me esqueci das noites “sagradas”…
    Ao longo dos anos, e já passaram 8 desde que estou realmente independente, muitos foram/são os momentos em que desespero, mas em nenhum dia, em nenhum momento me arrependi, nem da decisão de me manter sozinha e com o controlo da minha vida, por mais que financeiramente isso possa ser desfavorável.

    Beijos e abraços!🙂

  62. Bom dia primota!!!

    A verdade é que nem todos estão dispostos a abdicar das noitadas, das viagens e um pouco dos luxos dos “dependentes”, e vao abusando, fazendo o tal crédito e quando dão por ela, ja perderam o controlo…

    Amanha é sexta!!😀

    Beijinho grande para ti querida

  63. Cátia,

    Eu acho que a um azar, todos estamos sujeitos, mas quando ganhamos 100 e gastamos 200, isso não é azar, é falta de cabeça.
    Como somos diferentes, fazemos escolhas diferentes naturalmente, mas se formos conscientes minimizamos os tombos que existem ao longo do caminho!

    SEXTA!!!!!😀

    Beijocas!

  64. Eu nem te digo aos anos que tenho o controlo da minha, acho que já lá vão uns bons 10-11 anos, e bem sabes o “novito” que sou….
    Tal como tu opções de vida e não existe nada melhor que a independência e o controlo da nossa vida…
    Também já passei por momentos bastante apertados como deverás saber pois não fui o único, com calma tudo se resolve e dá-se a volta por cima. Troquei essa vida por uma de muito melhor qualidade, em que a família é a prioridade dos nossos gastos.
    As contas são simples não gastar mais de 1/3 do ordenado (se existe) em créditos, pois existem as despesas fixa depois e que despesas, aí tal como aqui devem andar por volta dos 300€/mes, estou a falar do básico Gás, luz, telefone, tlm, água, entre outras…
    Posso dizer que não sou um homem rico mas sim um rico homem….
    beijos e abraços

  65. Pedro,
    🙂
    Acredito que sejas um rico homem!
    E sim, as despesas rondam esses valores. muitas vezes é a inconsciência que coloca as pessoas nas situações de maior risco.
    Eu saí de casa dos meus pais com 18 anos, como tu provavelmente, e apesar de nos primeiros anos ter vivido de pai e mãe trocínio, tenho o maior orgulho de nunca ter pedido um tostão a mais. Aprendi a gerir e hoje, acredita que acho que já faço o milagre da multiplicação dos pães!🙂

    beijos e abraços.

  66. hello,
    o tempo anda tramado…ou alguem o tramou🙂
    e a pensar q ja tinha saido novidades…malandrinha…!
    good day linda.
    e tb pra Catia e Amy. (sorry…)
    e um “au au”/ “rauff rauff” para o Bali (ex-quase-(or not)Taiki lol)!
    bjss pra vcs e tb um abraço apertado.

  67. Fontez,

    Bom dia, apesar do tempo tramado!🙂
    Novidades só lá do outro lado! Aqui estou sem me decidir!😛

    O abraço como é só um fico com ele. Beijo para ti!

  68. ainda bem q ficas com ele…!
    é um abraço sentido, amigo e quentinho…apertado tb mas nao mt🙂
    o mesmo sê-lo-á para as outras belas…:)
    bom trabalho.
    inte

    “olhó frio”, “olhai-de o frio”…!!
    (“cantigas” de mulheres q lavam a roupa à beira rio…)
    (tanto gosto dessas mulheres, de as ver, de falar…)
    (têm histórias…)
    (olhó manita, podias falar sobre elas…um post…sobre…elas…)
    (bem, esquece a sugestao…)🙂

  69. Eu não conheço nenhuma dessas mulheres… tb acho um excelente tema, mas isso implicaria preparação e eu sou cheia de força de vontade, mas tenho pouquíssima vontade de fazer força!😉

    Mas irei pensar.

    Beijo.

  70. Adorei essa frase…alias admirei, a serio…
    “eu sou cheia de força de vontade, mas tenho pouquíssima vontade de fazer força!…”🙂
    Irás pensar numa ideia de um louco? Ei lá…! Não te deixes ir na ondas dos malukos…!😀
    bjss manita…
    Por acaso (ou nao) sao mulheres fantasticas, trabalhadores e alegres pela vida…(nem sempre mas quase sempre)!
    Como dizia um jornalista Portugues, e bem, a revolucao da sociedade portuguesa foram as mulheres,…, sem duvida!

  71. Podes fazer referência a outros blogs, não tenho nada contra.
    Aqui não podes é dizer mal da dona deste blog!😛

    Já espreitei, depois vejo com calma.

    Beijo.

  72. Fontez,

    Para mim, os blogues são uma forma de comunicar, de me divertir, não uma competição, logo, podes publicitar!😉

    Quanto ao dizeres mal da dona, pode ser só até te magoares sem querer… os acidentes acontecem!😉😛

    Boa noite.

    beijinhos!

  73. Ola primota!! Hoje é um daqueles dias que tem tudo para ser um bom dia… É sexta, o que por si só já é um grande motivo, é vespera de uma folga da tua parte, e umas ferias da minha, o que completa em grande os argumentos..😀

    Entao e o meu presente?? Ainda nao recebi nada… puff, sempre a mesma desnaturada… o meu para ti, já está lá perto da meia da M., à lareira

    Beijosss

  74. ai jazuzes tanta gente.. cento e binte, e o que vale é o perú ser grande😉 Cátia isso, pendura aí a meia e tem paciência, não queres mais nada do que um presente antes do natal?? tss
    Martita porque andas a fazer tempo? Bota lá a segunda parte

    beijos a todos e a quem for de fim de semana

  75. M., na verdade até queria mais do que uma prenda antes de Natal… como hoje é sexta, nao me importava que saisse o euromihoes a alguem da minha familia, certamente que seria um optimo presente… mesmo que viesse só depois de Natal…!! Já que nao duvido que aconteça, entao que viesse qualquer coisa das pessoas de familia, tipo primos e assim… que tristeza a minha…

  76. Bom dia!

    Cátia, o teu presente? Não querias mais nada, ainda é muito cedo!😛
    Mas hoje tem tudo para ser um bom dia.

    É sexta, só trabalho de manhã… só cá volto no dia 27…😀

    Tudo bons argumentos, não tão bons como os teus, mas bem melhores do que eu imaginava!🙂

    Beijoca.

    M.

    Eu tenho andado dividida, entre aqui e aqui: contudoaqui.wordpress.com … ando ocupada… mas ainda assim, hoje acaba este conto!

    Beijo grande para ti!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s