outonos

Talvez não saibas, mas gosto do Outono. Gosto das castanhas e das primeiras brasas que as assam. Gosto das farinheiras acabadas de curar, saídas do fumeiro para o lume. Gosto das chuvas que apagam o pó do Verão. Gosto das azeitonas pisadas, do relvado verde que nasce com a chuva, depois do bailado loiro do feno e do trigo. Gosto do cheiro a lenha e a aconchego. Gosto das bolotas roubadas no montado e das galochas que me levam campos afora. Gosto da paleta de cores e da brisa. Gosto do Outono que te trouxe nessa passadeira vermelha de folhas rendidas, como eu, a ti. Talvez não saibas, talvez nunca te tenha dito, talvez tenha que viver muitas vidas para to poder dizer… gosto do Outono, da mesma forma dorida que sempre gostei de ti.

7 thoughts on “outonos

  1. Eu gosto do Outono, tal como tu, as castanhas e o cheiro à brasa, as primeiras chuvas, o frio e o vento gelado depois do quente do Verão… O colorido das folhas… ahhhh como gosto! O gosto do outono tem também sabor a jantar em Vila Franca… algures num outono distante de há 8 anos atrás… Como poderia ser outra a estação, que não trouxesse pequenas grandes revoluções?

  2. 🙂 pois apesar de tu não teres chegado no Outono, foi no Outono que jantamos pela primeira vez. Depois veio o seu guarda, a britney zuca e tanto, tanto mais. Impagável. Mas olha la minha ordinária, dizes que fui ligeira revolução? Tem juízo, eu fui um verdadeiro furacão.😛

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s